sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Dando seguimento

Falando em música, adquiri recentemente o novo trabalho de Isabella Taviani ao qual já acompanho há algum tempo. Ouvi e bateu de imediato a música Letra sem melodia que adorei! Que melodia, que letra e que interpretação! Agora, é só esperar para assistí-la quando vier para São Paulo. Não vejo a hora pois amo ir a shows. Aqui vai a letra da música:

Eu ando enganando a solidão
Mantendo a casa cheia
Quase nem me reconheço aqui
Tentando sorrir
Brigo por qualquer razão qualquer senão
Eu rasgo o tempo à toa
Vagando nas esquinas da cidade
Que hoje me amaldiçoa
Eu só queria lavar os cabelos do meu amor
Bem que eu merecia repousar sob o cobertor
E como uma criança no teu colo
Dormir em paz em santo solo
Pra verSimplesmente o sol nascer
Eu ando remendando coração com paixões vazias
Bocas e mais bocas agonia
Letra sem melodia
Brinco que a felicidade pôs a mesa
Mas me sento só
No centro do meu corpo nu em pêlo
Nada pode ser pior
Eu só queria lavar os cabelos do meu amor
Bem que eu merecia repousar sob o cobertor
E como uma criança no teu colo
Dormir em paz em santo solo
Pra ver
Simplesmente o sol nascer
E no final fica tudo no mesmo
Porque afinal eu sou vazio e desejo
O amor valeuViver valeu
Então sou eu
Valendo eu sem você
Sem você

Nenhum comentário: