quinta-feira, 16 de julho de 2009

Viajar é muito bom!


E estou de volta de uma curta viagem de férias que me beneficiou de uma forma tão intensa que parece até que passei o mês todo passeando.
Adoro viajar e conhecer lugares novos, costumes diferentes e pessoas afinal, são elas que dão o toque especial ao lugar.
Estava em dúvida entre as cidades históricas de Minas e o Rio de Janeiro que ainda não conhecia.
Prevaleceu a vontade de conhecer a cidade maravilhosa e ver o que ela tem de bom.
Iniciei a viagem por Paraty que já conhecia mas que fazia um bom tempo que não a visitava. A cidade ainda respirava à festa literária que havia acabado naquele final de semana. O dia estava lindo, ensolarado e terminamos a visita num belo e delicioso almoço. Seguindo a viagem, demos uma parada rápida em frente a usina de Angra dos Reis. Essa eu também já conhecia de tempos atrás quando inclusive, visitei-a por dentro, assisti a uma palestra e tirei várias fotos (que ficaram um horror!), o que foi uma pena. Chegamos a cidade do Rio à noitinha e, cansada resolvi tomar um belo banho, comer e dormir para no dia seguinte aproveitar.
Na manhá seguinte, após um delicioso café da manhã bem reforçado, saimos para conhecer tudo o que aquela cidade nos oferecia de bom e não me decepcionei. Gente, caí de amores por essa cidade e, confesso que voltei metade de mim carioca. A beleza natural é de deixar qualquer um de queixo caído. Todos os lugares que visitei, de uma forma ou de outra, tem seus encantos próprios. O bairro da Lapa (onde fiquei hospedada) à noite aquilo ferve e visitei alguns bares com música ao vivo que animou à mim e a minha colega de viagem. Uma espanhola que decidiu vir direto de Madri para conhecer o Brasil. Nem preciso dizer que ela estava amando ver tudo aquilo.Vale citar aqui o nome dos Bares e seus músicos que são uma atração à
parte: o Acaso Bar, um espaço pequeno mas com uma equipe alegre e simpática que nos atende e naquela noite, contava com a presença forte, alegre e talentosa da cantora Margarete
Mendes. Figuraça!!!! Outro bar que visitamos e que foi muito legal, é o Café Cultural Sacrilégio , um casarão antigo que abriga o samba da melhor qualidade. O grupo que tocava era do cantor Rhudson Lewkyan que cantou samba e mpb.
As praias de Leblon, Ipanema, Barra da Tijuca, Copacabana, São Conrado...nossa, demais!!!!
Visitas obrigatórias ao Corcovado que foi maravilhosa e tivemos a presença de um grupo animadíssimo de sambistas que até me fez, logo eu uma típica paulistana sambar!!!! Depois seguimos para o Pão de Açúcar que foi outra experiência ímpar. Tanto eu quanto a minha nova colega espanhola tínhamos medo de altura mas, encarei o medo de frente e segui o passeio do qual não me arrependo mesmo. Que vista linda meu Deus!!!!!! Não cansava de olhar e de me maravilhar com tudo aquilo que via! Dia seguinte rumamos para Cabo Frio e tivemos a sorte de continuar com o sol a aparecer e a nos aquecer nesse nosso inverno. Linda cidade e foi um dia para curtir a praia e suas águas límpidas e...GELADAS!!!!!!! Mas foi muito bom, curtir o ócio na praia, tomar uma água de coco, passear pela orla até o forte São Matheus, observar o trabalho dos pescadores locais...Oh vida boa!!!! O único problema é que me esqueci de andar com a câmera fotográfica e fiquei sem nenhum registro dessa cidade e suas praias. Paciência!!
Dia seguinte, saímos do hotel de vez e fomos rumo à serra para conhecer a cidade de Petrópolis. Viagem enriquecida pelas belas paisagens naturais e uma cidade muito linda com suas construções com fortes influências da arquitetura normanda e alemã. Visitas de praxe no Museu imperial, no Castelo de Cristal, na Catedral de São Pedro de Alcântara e giro rápido pela cidade.
Após um delicioso almoço, retorno para São Paulo. É isso gente, foi uma viagem bem rápida mas que me fez voltar para São Paulo com um sentimento muito bom de novidades, alegria e refeita da correria do dia-a-dia. E um desejo de retornar para uma temporada mais longa para desbravar essa cidade que tem tanto a nos oferecer.

6 comentários:

Marina G. disse...

O Rio é realmente é a cidade maravilhosa! Infelizmente a violência é berrante, mas ainda dá pra passar ótimos momentos aqui!
Beijos.

ps: estava com saudade das suas atualizações aqui :D

A Palavra Mágica disse...

Roseli,

Uma viagem somo essa, conhecer pessoas e ver a natureza, sempre traz vida nova.

Beijos!
Alcides

PS. Nem é preciso comentar sobre o Tom. Ele fala por si.

Daniel Savio disse...

Hua, kkk, ha, ha, a gente perdoa o pequeno esquecimento de não registrar as imagens da tuas férias...

Mas o que importa é que você vai se lembrar desta viagem muito tempo.

Fique com Deus, menina Roseli.
Um abraço.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Olá, amiga. Fiquei encantada a ler o seu documentário sobre o Rio de Janeiro que conheço relativamente be. Ainda há uns 3 anos andei a passear e a mostrar a um casal de amigos. Fui a Cabo frio que foi o que mais me surpeendeu, pois conhecia só o Cabo frio de uns 20 anos atrás e fiquei maravilhada com a evolução que sofreu. Está linda e é uma das praias mais limpas da região. É que eu, não sei se já sisse vivi 14 anos no Brasil e pt tudo isso é-me mais ou menos conhecido, inclusive S.Paulo. ClARO QUE PARA SE CONHECER BEM É DIFÍCIL DADO A IMENSIDÃO DAS CIDADES BRASILEIRAS. Eu morei em Guaratinguetá e ao passar para S. Paulo, se foste pela Dutra com certeza passaste no Arco- Iris, 2 areas de serviço, uma de cada lado que são minhas e da minha família que ainda lá está. Quando lá passares pára e pergunta pelo meu irmão, o Neca. Ficará contente por te receber. Obrigada por me fazeres recordar esse Brasil de que tanto gosto e que considero a minha 2ª Pátria. Beijinhos
Emília Pinto

Mariane disse...

Oi Roseli, tudo bem??

Você comentou no blog dando idéia de fazermos fotos de nossas estantes, adorei a idéia assim que organizar a minha vou postar e podemos criar um projeto bem legal! Adorei esse slide, amo essa música, parabéns!!!

Bjs

Mari Amorim disse...

Menina!

ai que saudades me deu de Paraty !
Boas energias
Mari