segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Seu Jorge alegrou a noite de Sampa


O final de semana estava se aproximando e com ele, aumentava minha ansiedade para que chegasse logo o sábado a noite. Motivo? Para alguns pode até parecer frívolo, bobo, mas pra mim, seria uma noite há muito aguardada. Assistiria pela primeira vez um show de Seu Jorge.
Acompanho sua trajetória musical há um tempo e sempre tive uma admiração a distância. Quando comprei o DVD de Seu Jorge e Ana Carolina pude ver melhor que tipo de cantor ele era e me encantei um pouco mais. Tanto que assisti esse DVD a exaustão. Então, um certo dia meu irmão apareceu em casa com um DVD de um show Seu Jorge Live at Montreux, de 2005. Chic não? O cara é cultuado e respeitado lá fora gente. E aqui ainda não era conhecido. Eu falava dele para as pessoas e elas reticentes: Quem é esse cara? Nunca ouvi falar! Continuei ouvindo suas músicas até que conheci seu mais recente trabalho América Brasil. Pegou na veia!!! E sábado finalmente chegou e fui para o Citibank Hall para conferir de perto o swing de Seu Jorge e sua banda. Cheguei lá com a casa literalmente "fervida" Percebi que não era só eu a estar em cólicas para o início do show. Casa lotada, gente falando sem parar, o horário avançando e...cadê Seu Jorge? Já estava há quase meia hora do horário do show e nada!!!!

Mas quando a banda entrou e ele chegou cantando...Affê!!! Alegria geral!!! Depois que começou, não parei mais de cantar e dançar. Foram quase três horas de muita alegria, muito swing. Com convidados pra lá de especiais como Badi Assad (maravilhosa!), teve duas outras participações que (pessoal desculpem-me se não me lembro) abrilhantaram a noite. Uma dupla de Hip-Hop e um percurssionista que tira um som de pneu. Agora, no final, Seu Jorge fez um discurso sobre a educação no país que me fez tirar o chapéu mais uma vez. Como convivo com o meio pedagógico, sei o quanto o país precisa investir nessa área. E, para fechar com chave de ouro, após o final do show ainda encontrei amigas queridas que são só alegria. Enfim, voltei para casa feliz da vida desejando mais. Encerro aqui deixando um vídeo dele para quem já viu, revê-lo, e para quem ainda não o conhece, é uma chance.




Nenhum comentário: