quinta-feira, 16 de abril de 2015

10ª Edição Bookcrossing Blogueiro - Vamos libertar mais livros?


Para esse evento de abril fiquei pensando, pensando como faria minhas libertações dos livros...
Queria muito fazer diferente do que simplesmente deixá-los em bancos de praças públicas etc.
Até que chegou a mim através das redes sociais, um projeto que me agradou muito até mesmo porque, utilizo transportes públicos e adoro ver as pessoas envolvidas em suas leituras durante o trajeto. Eu mesma, ando sempre com um livro nas mãos e sempre que posso - e não durmo -, leio um livro. Isso faz o trajeto ficar mais leve, divertido, menos estressante e ainda ganho em conhecimento e cultura.
Apesar de ainda se pregar aos quatro cantos que o brasileiro não lê, discordo. Também não sou ingênua de achar que a população está culta, evoluída e que ler, passou a ser item de primeira necessidade em todas as famílias. Estamos ainda bem longe disso. No entanto, eu que circulo bastante, observo cada vez mais pessoas absorvidas na leitura em metrôs, ônibus, trem, em pontos de ônibus, nas cafeterias e praças públicas.
Ainda temos um longo caminho a percorrer. O hábito - ou melhor dizendo - o prazer da leitura ainda é uma ação tímida numa sociedade que não teve a cultura de ler desde cedo.
O país também é imenso e sei que saindo do eixo Rio/São Paulo e regiões do sul, o resto do país ainda se encontra envolta numa bruma de semi-analfabetismo e descaso total com a educação, a leitura e cultura no geral. Temos um trabalho hercúleo pela frente para mudar esse quadro.
Mas, como boa formiguinha que sou, vou trabalhando aos poucos, devagar e sempre e junto de pessoas com o mesmo pensamento e ideal, vamos fazendo o diferencial.

Voltando ao projeto nos transportes, conheci através das redes sociais, Luis Fernando Tremonti, um jovem  de 26 anos que abraçou a causa de divulgar e incentivar a leitura nos transportes públicos dando o nome a seu projeto de Leitura no Vagão. 
Segundo ele, já estava cansado de ver pessoas entretidas com o celular ao invés de ler um bom livro. E, após ouvir de amigos que gostavam de ler mas nunca tinham tempo, veio-lhe a ideia de criar esse projeto. Pouco a pouco ganha adeptos e colaboradores nessa sua tarefa e hoje, podemos dizer que já é um sucesso. Gostei tanto que entrei em contato com ele, expliquei o Bookcrossing Blogueiro e ele adorou a ideia.
Em minha casa tenho livros variados, em ótimo estado e prontinho para seguir sua vida útil nos vagões esperando seu novo dono para ser acariciado, manuseado e lido.
Ainda não marquei dele vir a minha casa para pegar os livros mas assim que marcar sua visita, tirarei fotos para registrar esse encontro. Amando! Amando!Amando!
Para quem desejar conhecer o Fernando e seu projeto, ele tem página no Face e no Twitter 

Para quem aportou por aqui e não entendeu nada, o Bookcrossing Blogueiro foi criado nos moldes do Bookcrossing, um conceito que surgiu nos Estados Unidos, que nada mais é do que deixar livros em praças públicas especificando que ele não está perdido mas sim "libertado" e quem achar, pegue-o, leia e deixe novamente para ser encontrado por outra pessoa e assim, o livro vai de mão em mão sendo livro e cumprindo com sua missão. A blogueira Luma, do blog Luz de Luma, deu a arrancada no Bookcrossimg Blogueiro e hoje, já na sua 10ª edição, é um sucesso no Brasil e fora dele comparticipações de blogueiros em vários estados e países.
Além da alegria em incentivar a leitura, existe a possibilidade de conhecer pessoas com o mesmo raciocínio e vontade de fazer o diferencial.
Gostou da ideia? Quer colaborar? Dá uma olhada abaixo e veja o que pode ser feito:

  • Para participar basta ter um ou mais livros que queira libertar;
  • Escreva um bilhete especificando sua participação e dizendo que ele não se encontra perdido:
  • Escolha um local público e protegido para deixá-lo;
  • Pode também procurar os postos oficiais ;
  • Se tiver um blog, faça uma divulgação do evento, se desejar, poste fotos e fale dos livros libertados;
  • Quem não tiver blog mas mesmo assim desejar participar, publique nas redes sociaisdo evento ou em sua própria página;
  • Página do evento 10ª edição Bookcrossing Blogueiro  ;
  • Escolha um banner para sua divulgação 
E então? Gostou? Vamos participar e tornar a vida de alguém mais alegre com uma boa leitura? Vou adorar ver sua participação. Desapegue, deixe os livros correr mundo e tornar o universo das pessoas mais rico.

3 comentários:

João disse...

Eu já fazia isso, deixava alguns dos livros nos metros, estou a ver que agora virou uma campanha, é uma óptima ideia! ^^

Beijinhos :3

Luma Rosa disse...

Oi, Roseli!
Mais um projeto bacana para ajudar a democrativzação da leitura no país. Cada um fazendo o seu trabalho de formiguinha para um dia chegarmos lá! Sozinhos parece que não fazemos nada, mas juntos realizamos tudo!
Obrigada por mais uma vez participar do BookCrossing Blogueiro!
Beijus,

Maria Rosa Sonhos disse...

Oi Roseli! Estimular a leitura e motivar leitores, ainda é de fato uma tarefa hérculea, conforme você disse. Mas, estamos contribuindo e isso é muito bom. Parabéns! Beijo! Renata

http://www.mariarosasonhos.com/2015/04/libertando-livros-6.html