segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Natal: Essa lembrança eu guardo com carinho

Hoje não falarei de micos mas de um episódio natalino que me marcou a infância. Não é nada excepcional mas é incrível como as vezes, um acontecimento simples nos marca para o resto de nossas vidas. E, como sempre, a música fazendo história em minha vida. Explico:
Não recordo a idade mas, se for analisar quando essa música fez sucesso, acredito que foi no ano de 1968.
Como sempre, fui companhia constante de uma tia minha. Toda vez que ela saia, me levava junto e eu adorava esses passeios. Mercado da Lapa, Pinheiros, av. Paulista, centro velho de São Paulo. Eu sempre aguardava esses passeios principalmente em época natalina. Ver as ruas iluminadas, enfeitadas para o Natal, as lojas e o Papai Noel. Figura linda que me agradava e fazia parte de minha fantasia infantil. Esse episódio aconteceu na Lapa. Fui às compras com minha tia Irene, mais conhecida como tia Nena, e após as compras, ela me levou para um lanche na lanchonete das lojas Americanas. Lá saboreamos juntas um belo cachorro quente, tomamos um suco de laranja e depois ainda um sorvete. Nossa! Isso para mim era um verdadeiro banquete já que no dia a dia, a vida era bem simples pra não dizer dura. Mas, como criança não enxergava ainda as dificuldades da vida. Só via a fantasia, o sonho e assim, minha vida era uma maravilha. Após esse banquete dos Deuses, saímos as duas a andar pelas ruas que já estavam iluminadas pois a noite já havia caído na cidade. Estávamos andando e vendo as vitrines lindas quando numa das lojas saiu um Papai Noel com seu saco imenso carregado de brindes e chacoalhava um sino. Essa figura me surpreendeu e fiquei parada olhando para ele. Ao perceber que eu o fitava, ele sorriu e me chamou para conversar com ele. Perguntou meu nome, quantos anos tinha, se tinha sido uma boa filha naquele ano e no final abriu seu saco e tirou uma sacolinha recheada de doces e me deu. Ao receber aquela sacolinha fiquei tão feliz, tão feliz que não conseguia reagir. Só segurava e olhava pra ele. De repente, não sei de onde, essa música começou a tocar num volume alto e parecia até que o mundo havia parado para mim. Vendo que não reagia, minha tia me tocou e falou:
-Roseli, não seja mal educada! Diga obrigada pro Papai Noel! Agradeça esse presente que ele está te dando.
Eu não conseguia falar mas meus olhos marejaram na hora e então eu o abracei. Percebendo minha emoção, o Papai Noel também me abraçou e me disse:
- Filha, seja sempre uma boa menina para seus pais, seus irmãos e sempre receberá um presente meu. Vá com Deus e divida esses docinhos com seus irmãos. Tenha um Feliz Natal.
Dizendo isso, ele me beijou na testa, deu um tapinha em minha costa e virando-se voltou para o interior da loja. A música continuou a tocar e me invadiu a alma por inteiro. Emocionada e feliz da vida, dei a mão para minha tia e seguimos rumo à estação de trem para voltarmos para casa. Nunca mais me esqueci desse acontecimento mágico e da música que serviu de trilha sonora. Porisso tenho um carinho todo especial por ela. Não tem nada a ver com o Natal mas para mim se transformou no hino natalino de minha infância.


7 comentários:

Milena disse...

Oi, Rose!

Adoro saber que você lê o que escrevo no meu espaço e mais ainda seus comentários. Muito obrigada, por me acompanhar e pelos votos! :) Desejo a você e a toda a sua família, sinceramente, um Natal de paz, harmonia e amor, e que 2010 venha cheio de muita luz, sucesso, saúde e vitórias! Beijos!!! Mi

Luma Rosa disse...

Eu ouvi a música duas vezes, já! Não conhecia. E também já estou pesquisando mais sobre Salvatore Adamo. Minha mãe aqui me diz que é um absurdo eu não conhecer. Sim, absurdo!! :D Feliz natal!! Muito linda a sua história! Papai Noel ainda é encantado para muitas crianças, tomara que continue!! Sonhos de criança nunca é demais! Beijus,

Sonhos & melodias disse...

Obrigada pelas visita Milena e Luma. Adoro dividir com vocês minhas histórias. Tudo de bom pra vocês.
Bjs

Tecendo Histórias disse...

Adorei a visitinha! É uma prazer tê-la como seguidora . Este seu cantinho é uma graça e as postagens 10 !!! Ótimo 2010 ! Bjs,Betty

Sonhos & melodias disse...

Oi Betty!
Seja bem vinda! Fico feliz que tenha gostado. Ótimo 2010 pra você.
Bjs

Daniel Savio disse...

Natal não e dar, ou receber, presentes, é sobre fazer o amor presente...

Fique com Deus, menina Roseli Pedroso.
Um abraço.

Sonhos & melodias disse...

Sintetizou muito bem Daniel o significado de Natal: fazer o amor presente...Lindo!!!!
Bjs