quinta-feira, 18 de agosto de 2016

O universo masculino na lente de aumento de Murakami


Amante das letras, busco sempre conhecer a literatura de outras culturas. Já tive o prazer de conhecer autores da Índia, da Colômbia, do Chile, da China, dos países europeus. Mas ainda não tinha lido nenhum autor japonês. Há alguns meses, uma colega indicou veementemente a leitura da obra de Haruki Murakami.
Nascido em Quioto, é um dos mais populares e conceituados escritores no Japão.
Aqui, na biblioteca onde trabalho, temos vários livros dele. No entanto, nenhum tinha me chamado a atenção. Talvez até mesmo por ser bombardeada por tantos títulos chamativos, passou batido.
Ano passado, algumas alunas do ensino médio começaram a procurar a trilogia 1Q84 e sempre elogiavam ao devolver. Aí iniciou a germinação de uma sementinha de curiosidade por sua obra.
De tanto ouvir a colega falar de seus livros, decidi conhecer e optei por começar pelo livro de contos Homens sem mulheres.
Comecei a leitura não tendo muita expectativa. Mansamente fui sendo envolvida por seus personagens. Suas histórias se passam num universo de homens solitários que relembram, encontram ou acabaram de perder suas mulheres. 
Elas, as mulheres, são as grandes protagonistas destas histórias. Elas dão o ritmo e o rumo que cada homem terá. Achei interessante notar que, quase sempre, é mostrado a mulher sendo abandonada por um homem. Quase nunca pensamos nos sentimentos masculinos e no quanto a perda de uma mulher, traumatiza e leva um homem à depressão e ao isolamento.São ao todo sete histórias.
Com uma escrita hábil, Murakami nos surpreende a cada conto.
Eu, particularmente, gostei imensamente de dois contos: Sherazade e Samsa apaixonado. Gostei bastante também de Kino. Sendo que o segundo, Samsa apaixonado, li e reli com maior prazer. 
Ao término da leitura pensei comigo: Uau! Adoraria ter escrito esse conto!
Então é isso pessoal. Se você, assim como eu, ainda não leu nada dele, comece por esse livro de contos. Tenho certeza que irá gostar tanto quanto eu gostei e em breve passará a outro título dele.
E agora? Qual será o próximo livro? Sono ou Dance Dance Dance?



Sinopse:

Murakami é um autor capaz de criar universos próprios, que se desdobram em romances de fôlego e personagens cativantes. Mas ele é também um excelente contista, e sua produção mais recente está reunida neste volume: sete histórias que tratam de relações amorosas e trazem o estilo único do autor. São contos sobre o isolamento e a solidão que permeiam as relações amorosas: homens que perderam uma mulher depois de um relacionamento marcado por mal-entendidos. No entanto, as verdadeiras protagonistas destas histórias — cheias de referências à música, a Kafka, às Mil e uma noites e, no caso do título, a Hemingway — são as mulheres, que misteriosamente invadem a vida dos homens e desaparecem, deixando uma marca inesquecível na vida daqueles que amam.


Título: Homens sem mulheres
Autor: Haruki Murakami
Editora: Objetiva
ISBN:9788579624384
Ano: 2015

2 comentários:

Pedrita disse...

quero muito ler esse livro. está lindo o seu blog. beijos, pedrita

Roseli Pedroso disse...

Oi Pedrita, sempre bom te ver por aqui! Garanto que vai gostar desse autor. Quero ver se reativo mais esse blog. Comecei pelo visual. Que bom que gostou. Bjs